"Somos Físicos". Assuntos diversos relacionados a Ciência, Cultura e lazer.Todos os assuntos resultam de pesquisas coletadas na própria internet.

Welcome To My Blogger

quarta-feira, 10 de abril de 2019

"Somos Físicos" Pilha de Limão (Eletroquímica)


SE A VIDA TE DER LIMÕES, FAÇA UMA BATERIA!!
Em Eletroquímica, uma pilha (bateria ou célula galvânica) costuma ser definida como um processo espontâneo no qual a energia química é transformada em energia elétrica.
Por exemplo, as pilhas comuns que costumamos usar em aparelhos eletrônicos possuem em seu interior uma série de espécies químicas, entre elas metais e soluções eletrolíticas que causam reações de oxidorredução (com perda e ganho de elétrons), que geram uma diferença de potencial (ddp). Os elétrons, por apresentarem carga negativa, migram do eletrodo negativo, denominado ânodo, que é o metal com maior tendência de doar elétrons; para o positivo, que recebe o nome de cátodo (metal com maior tendência de receber elétrons). Desse modo é gerada uma corrente elétrica que faz o equipamento funcionar.
Resultado de imagem para pilha de limão
Todas as pilhas baseiam-se nesse mesmo princípio de funcionamento. Pensando nesses termos é possível produzir uma pilha utilizando limão, laranja, tomate, batata e refrigerante; pois todos esses materiais citados possuem em seu interior soluções com cátions e ânions, isto é, espécies químicas com cargas positivas e negativas, respectivamente, e que podem sofrer migrações se estabelecida uma conecção, gerando corrente elétrica. Veja como isso é possível na explicação a seguir:
Resultado de imagem para pilha de limão
OBJETIVO GERAL:
Produzir eletricidade pelo método de oxi-redução de metais utilizando frutas.
FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA:


Através de metais com diferentes potenciais elétricos conseguiremos produzir uma corrente elétrica suficiente para acender um led (lâmpada colorida encontrada em televisores, sons, brinquedos e qualquer eletrônica). Um dado metal fornecerá elétrons para o outro, por uma reação de oxi-redução, gerando uma corrente elétrica.

MATERIAL:


- LED
- Limão (O experimento será descrito com limão mas também pode ser feito com laranja, caqui, batata, etc…)
- Fio condutor
- Placa de cobre
- Placa de zinco
OBS: Pode ser feito utilizado ao invés e zinco e cobre, zinco e elumínio ou latão e alumínio.

PROCEDIMENTO:
pilha de limão
Após fincar as plaquinhas no limão e uní-las por fios, pode-se ligá-las a um LED. A corrente produzida é suficiente para acendê-lo, ainda que por alguns minutos. Não esqueça de antes limpar as peças de metal, e evitar que elas se toquem no interior do limão.
Se for muito difícil trabalhar com apenas um, tente experimentar uma ligação em série: lâmpada-cobre-limão-zinco-fio-cobre-limão-zinco-lâmpada. O resultado é mais visível.
Informações retiradas do Site:fisicomaluco.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGRADEÇO SUA VISITA.
VOLTE SEMPRE.