Welcome To My Blogger
O Blogger "Somos Físicos" aborda assuntos diversos relacionados a Ciência, Cultura e lazer.Todas as postagens são pesquisas e coletadas na internet.

Welcome To My Blogger

terça-feira, 24 de novembro de 2015

O Egito

 
 A civilização egípcia antiga desenvolveu-se no nordeste africano (margens do rio Nilo) entre 3200 a.C (unificação do norte e sul) a 32 a.c (domínio romano).
 Como a região é formada por um deserto (Saara), o rio Nilo ganhou uma extrema importância para os egípcios. O rio era utilizado como via de transporte (através de barcos) de mercadorias e pessoas. As águas do rio Nilo também eram utilizadas para beber, pescar e fertilizar as margens, nas épocas de cheias, favorecendo a agricultura.
O Nilo e o Deserto do Saara 
O rio Nilo corresponde a um importante rio africano que deságua no mar Mediterrâneo, sua bacia hidrográfica abriga vários países do continente africano

A sociedade egípcia estava dividida em várias camadas, sendo que o faraó era a autoridade máxima, chegando a ser considerado um deus na Terra. Sacerdotes, militares e escribas (responsáveis pela escrita) também ganharam importância na sociedade. Esta era sustentada pelo trabalho e impostos pagos por camponeses, artesãos e pequenos comerciantes. Os escravos também compunham a sociedade egípcia e, geralmente, eram pessoas capturadas em guerras. Trabalhavam muito e nada recebiam por seu trabalho, apenas água e comida. 
 Tutancâmon
  
A civilização egípcia destacou-se muito nas áreas de ciências. Desenvolveram conhecimentos importantes na área da matemática, usados na construção de pirâmides e templos. Na medicina, os procedimentos de mumificação, proporcionaram importantes conhecimentos sobre o funcionamento do corpo humano.
 Templo de Abu-Simbell (séc. XIII a.C.)
 Ramsés
 Abu Simbel é um complexo arqueológico constituído por dois grandes templos escavados na rocha, situado no sul do Egito. Os templos foram construídos pelo faraó Ramsés II em homenagem a si próprio e à sua esposa preferida Nefertari, por volta do ano 1200 a.C.
 
Templos de Luxor
Karnak

O Templo de Luxor, foi iniciado na época de  Amenófis III e aumentado mais tarde por Ramsés II, só foi acabado no período muçulmano. É o único monumento do mundo que contém em si mesmo documentos das épocas faraónica, greco-romana, copta e islâmica, com nichos e frescos coptas e até uma Mesquita (Abu al-Haggag). Este templo era dedicado ao deus Amon mas não só, era também dedicado às divindades Mut (esposa de Amon] e Khonsu. As suas dimensões são menores do que as do Templo de Karnak  e ambos são dedicados ao mesmo deus. O seu nome antigo era Ipep-resit, traduzido como "Harém do Sul", referindo-se às festas que uma vez por ano lá tinham lugar, durante estas festas eram transportadas as estátuas de Amon, Mut e Khonsu de Karnak para Luxor. Por volta do século II, o templo foi ocupado pelos romanos, mas foi sendo abandonado gradualmente. Foi coberto pelas areias do deserto, até que em 1881 o arqueólogo Gaston Maspero redescobriu o templo que, se encontrava muito bem conservado. Para iniciar a escavação a vila que entretanto tinha crescido perto do templo teve de ser retirada, apenas permanecendo uma mesquita, construída pelos árabes no século XIII
 
 
Templo de Hatchepsut
 Zaupokojnyj Hatšepsup templo está localizado longe dos túmulos de outros faraós e deles difere em sua arquitetura. Mas, apesar das diferenças fortes,estabeleceu a tradição na construção de templos funerários egípcios não foram violadas. O antigo nome de Džeser o templo Džeseru traduz-se como o mais sagrado dos sagrados.
Pesquisa de incrível mulheres-templo do Faraó Hatšepsup foi iniciada no ano de 1891 Eduard Navillem.O edifício foi abandonado e saqueado, era difícil imaginar que ele nunca poderia ser restaurado. Em 1961, os restauradores polonês começaram a trabalhar no retorno do templo sua aparência original.Assistente para captar e recriar as antigas estátuas egípcias, relevos e elementos arquitectónicos.
Templo da rainha Hatšesup é uma das mais famosas e populares atracções turísticas modernas no Egito. Trabalho de reconstrução continua aqui.
 
 
Templo de Dendara Templo de culto dedicado à deusa Hathor Datando de 380 A.C.. Um dos mais bem preservados templos no Egito.
  
O Templo de Isis ( Philae) em Assuan no Egito é primor histórico e um feito de engenharia. É um dos mais belos do Egito, teve que ser removido de seu lugar original, inundado após a construção da Alta Represa de Aswan
Templo de Kom Hombo dedicado a Sobek y Haroeris Ptolomeo XII 80-51 aC
 
As Piramides
 Elas foram construídas  há mais de 2500 anos e resistem até hoje. Cercadas de mistérios, despertam interesse de historiadores, arqueólogos e estudiosos de civilizações antigas. Como resistiram a tantos séculos? Que segredos guardavam dentro delas?
 
Pirâmides de Quéops, Quéfren e Miquerinos.Muitas pessoas desconhecem, mas a história do antigo Egito acontece 3150 anos A.C (Antes de Cristo), mas já mantinham vários conhecimentos, principalmente sobre a arte e artesanatos e mantinham construções arquitetônicas que são tidas como exemplo até hoje. Além disso, o rio que percorria o ambiente, Nilo, tinha várias proporções, onde era utilizada para beber, fazer o transporte de mercadorias e alimentos, como também fonte de alimento, através da pesca.
 
 
 
Vista do Cairo, a maior cidade da África e do Oriente Médio.
 http://www.suapesquisa.com/egito/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGRADEÇO SUA VISITA.
VOLTE SEMPRE.