Welcome To My Blogger
O Blogger "Somos Físicos" aborda assuntos diversos relacionados a Ciência, Cultura e lazer.Todas as postagens são pesquisas e coletadas na internet.

Welcome To My Blogger

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

TEORIA CINÉTICA DOS GASES (ENEM)

A pressão total e o volume total de uma mistura gasosa são dados pelas pressões e volumes parciais dos gases que compõem a mistura
Após inúmeros estudos realizados, em meados de 1840, estudiosos concluíram que o calor é uma forma de energia e não uma substância, como se imaginava.


Entre os pesquisadores em destaque estão James Prescott Joule e Rudolf Clausius que, através de seus estudos, chegaram à conclusão de que o calor está relacionado à energia cinética dos átomos e às moléculas de uma substância.



Essa teoria apresentada não era aceita em razão de se tratarem de partículas microscópicas, ou seja, invisíveis a olho nu, o que barrava sua aceitação na comunidade científica.



As leis de Newton eram a base dos estudos da teoria cinética dos gases, o que acabou facilitando sua aceitação mais tarde. Ainda hoje é utilizada e considerada importante como modelo de desenvolvimento de teoria física, apesar de suas explicações serem inaceitáveis para a física moderna.



A teoria cinética dos gases são hipóteses que abordam o que é um gás e como ele se comporta.




Hipóteses da teoria dos gases
• A formação de um gás se dá por um grande número de moléculas;



• As moléculas dos gases possuem dimensão desprezível, o que significa que o volume por elas ocupado é muito pequeno, quase insignificante;



• Esses gases se deslocam de forma descontínua e aleatória ocupando, assim, todo o volume do recipiente onde se encontram, tendo movimento retilíneo e uniformemente variado;



• São independentes, só interagem entre si quando ocorre colisão;



• As colisões existentes entre moléculas e moléculas e entre moléculas e paredes do recipiente são colisões elásticas, que fazem com que a energia cinética das moléculas permaneça constante.


Energia interna
A energia interna do gás existe quando o gás for constituído por moléculas de apenas um átomo e nesse gás estiver a soma das energias cinéticas dessas moléculas que o constituem, fornecendo assim o valor total da energia desse gás.


Podemos então concluir que através da Teoria Cinética dos Gases é possível calcular a energia média total de amostra de gases, dependendo, claro, da estrutura molecular do gás analisado, obtendo assim um resultado, mesmo que restrito.
Portanto, para aumentar a pressão de um gás não é necessário aumentar sua temperatura, basta diminuir seu volume (comprimir o gás).

Por outro lado, para um aumento da Energia cinética média (Ecin) é necessário promover uma mudança na temperatura do gás.

Ao aquecermos o gás dentro do frasco, as moléculas presentes passam a se movimentar com maior velocidade, o que ocasiona um aumento da Energia cinética média. Dizemos então que a Ecin é diretamente proporcional à temperatura, como mostra a equação:

Ecin = KT 

O gás que obedece a essa equação é considerado um Gás perfeito (ou gás ideal).
http://www.mundoeducacao.com/fisica/teoria-cinetica-dos-gases.htm
http://www.brasilescola.com/quimica/teoria-cinetica-dos-gases.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGRADEÇO SUA VISITA.
VOLTE SEMPRE.