Welcome To My Blogger
O Blogger "Somos Físicos" aborda assuntos diversos relacionados a Ciência, Cultura e lazer.Todas as postagens são pesquisas coletadas na internet. OUTUBRO ROSA

Welcome To My Blogger

domingo, 31 de agosto de 2014

OBTENÇÃO DO CLORO(ENEM)

Este elemento ficou muito conhecido devido à utilização em um alimento indispensável a nossa sobrevivência: a água potável. Como todos sabem, a água encontrada em rios não é recomendável para o consumo sem antes passar por um tratamento prévio, e graças à adição de cloro é possível eliminar todos os microorganismos patogênicos e tornar a água potável, ou seja, própria para o consumo.

Então vamos conhecer um pouco mais sobre este elemento:
O cloro é um elemento químico de símbolo Cl e número atômico 17 (17 prótons e 17 elétrons), com massa atômica 35,5 u. Este elemento está situado na série química dos halogênios (grupo 17 ou 7A).

O Cloro, em temperatura ambiente, se encontra em sua forma biatômica (Cl2): é um gás extremamente tóxico e de odor irritante, possui coloração esverdeada, aliás, a denominação “Cloro” vem do gregochlorós, e quer dizer esverdeado.

Mas você sabe como o cloro mata as bactérias, ou melhor, como ele atua como desinfetante da água? Primeiramente, o cloro reage com o hidrogênio presente na água e neste momento ocorre uma liberação de oxigênio, esta reação acaba por matar as bactérias por oxidação. Este processo é chamado de cloração da água e, neste caso, o cloro é usado na forma de ácido hipocloroso (HClO), o qual é obtido quando se dissolve cloro na água.

As aplicações de cloro não param por aí! Na produção de papel é usado para o branqueamento da polpa de celulose, é empregado também na produção de PVC (policloreto de vinila) quando atua na forma de cloreto de vinila.

O Cloro possui aplicação importante na síntese de compostos orgânicos e inorgânicos como, por exemplo, o tetracloreto de carbono (CCl4) e o clorofórmio (CHCl3).
A eletrólise do gás cloro (Cl2) é muito útil, já que é usada na produção de compostos orgânicos clorados e alvejantes, e também para o tratamento de água para consumo e de piscinas. 

O curioso é que muita gente pensa que o Cloro usado para a desinfecção de águas se encontra em seu estado natural (gasoso), ou seja, da forma que é encontrado na natureza. Se fosse assim, um gás seria lançado na piscina para matar os microorganismos? Nada disso, o cloro usado nesta função se encontra no estado líquido, veja agora o processo que permite transformar Cloro gasoso em Cloro líquido: 


Cl2 + H2O ↔ HCl + HClO 
Essa reação se trata da reação de Cl2 no estado gasoso com água.
O cloro, o ácido clorídrico e o hipoclorito de sódio, são obtidos a partir da eletrólise aquosa do cloreto de sódio como mostra o esquema
Na eletrólise aquosa do Na Cl ocorre no cátodo desprendimento de H e não deposição de Na, uma vez que, o Na tem potencial elétrico de redução menor que o H . Consequentemente a obtenção do Na não pode ser realizada por uma eletrólise aquosa.
O sódio é obtido pela eletrólise ígnea do Na Cl retirado da água do mar ou de minas de sal gema.
http://alfaconnection.net/pag_avsf/fqm0302.htm
http://www.brasilescola.com/quimica/cloro.htm
http://www.brasilescola.com/quimica/eletrolise-gas-cloro.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGRADEÇO SUA VISITA.
VOLTE SEMPRE.