Welcome To My Blogger
O Blogger "Somos Físicos" aborda assuntos diversos relacionados a Ciência, Cultura e lazer.Todas as postagens são pesquisas e coletadas na internet.

Welcome To My Blogger

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

FUNÇÕES INORGÂNICAS(ENEM)

O químico sueco Svante August Arrhenius propôs em 1884 a sua célebre Teoria de Dissociação Iônica,que explicou por que determinadas substâncias conduzem corrente elétrica ao serem dissolvidas em água, enquanto outras não. Por essa teoria, ele ganhou o prêmio Nobel em 1903.
Assim, ele concluiu que as soluções eletrolíticas (que conduzem corrente elétrica) são aquelas que apresentam íons livres. Já as não eletrolíticas não conduzem (ou conduzem pouco) eletricidade porque apresentam íons livres numa concentração muito pequena. 
Baseado no tipo de íons liberados e nas características similares que apresentavam, Arrhenius reuniu os compostos inorgânicos* em grupos ou funções inorgânicas, que são: ácidos, bases, sais e óxidos (apenas esse último grupo não tem sua definição baseada nos íons que são liberados em soluções aquosas).
A seguir, temos uma introdução às funções inorgânicas, explicando de forma bem resumida quais compostos fazem parte de cada grupo e alguns exemplos. Para ver mais detalhes sobre cada uma das quatro funções, como a nomenclatura, a classificação, os que são mais comuns no cotidiano, suas aplicações e características, você poderá ler os textos que estão relacionados logo mais abaixo.
1. Ácidos: São compostos covalentes que ao serem dissolvidos em água reagem, sofrendo ionização e formando soluções que apresentam como único cátion o H(ou H3O+).
Os ácidos que estão mais presentes em nosso cotidiano são:
  • Ácido clorídrico (HCl)– No ácido muriático, usado para limpeza; na extração de petróleo e como principal componente do suco gástrico;
  • Ácido Sulfúrico (H2SO4)– Substância muito utilizada pela indústria na produção de fertilizantes, nas indústrias petroquímicas, de papel, de corantes, entre outras, e também está presente na bateria de automóveis;
Bateria de chumbo que contém ácido sulfúrico
  • Ácido nítrico (HNO)– também é utilizado em indústrias e sua principal aplicação é em explosivos;
  • Ácido fosfórico(H3PO4) – usado nas indústrias de vidro, tinturaria, de alimentos, de fertilizantes e, principalmente, no refrigerante.
O refrigerante contém ácido fosfórico como acidulante
2. Bases: São aqueles compostos que sofrem dissociação iônica em água e liberam como único ânion a hidroxila (OH-).
Exemplo de reação genérica:
A(OH)x  + H2O ↔ Ax+   + x OH-
Exemplos:
NaOH(s)   + H2O ↔  Na+ +  OH-
Mg(OH)2+ H2O ↔  Mg2+ + 2 OH1-]
As bases mais comuns são:
  • Hidróxido de sódio (NaOH)– Soda cáustica usada na produção de sabão e de produtos para desentupir pias e ralos;
  • Hidróxido de cálcio (Ca(OH)2)– Cal hidratada usada em pinturas (caiação) e na preparação de argamassa;
A cal virgem usada na caiação é uma base
  • Hidróxido de magnésio (Mg(OH)2)– Leite de magnésia usado como antiácido ou laxante;
  • Hidróxido de amônio (NH4OH) – Usado na produção de ácido nítrico e fertilizantes.
O hidróxido de amônio é usado para produzir fertilizantes
3. Sais: São aqueles compostos que em solução aquosa sofrem dissociação e liberam pelo menos um cátion diferente do H+ e um ânion diferente de OH-.
Reação de dissociação iônica genérica de um sal em água:
CYAY + H2O ↔ CX+ + AY-
Exemplos:
NaCl + H2O ↔  Na1+ +  Cl1-
Ca(NO3)2 + H2O ↔  Ca2+ + 2NO31-

Principais sais usados no dia a dia:
  • Cloreto de sódio (NaCl) – Sal de cozinha;
O sal de cozinha é o cloreto de sódio
  • Fluoreto de sódio (NaF) – Usado em cremes dentais como anticárie;
  • Nitrato de sódio (NaNO3) – É o salitre do Chile, usado para produzir fertilizantes e pólvora;
  • Nitrato de amônio (NH4NO3) – Fertilizante e explosivo;
  • Carbonato de sódio (Na2CO3) – Barrilha ou soda, usado para fazer vidro;
O carbonato de sódio é usado para fazer vidros
  • Bicarbonato de sódio (NaHCO3) – Usado como antiácido, fermento de bolo, talcos desodorantes, balas e gomas de mascar, e em extintores;
O bicarbonato de sódio é usado como fermento de bolo
4. Óxidos: Compostos binários, isto é, formados por dois elementos, sendo que o oxigênio é o mais eletronegativo.
Exemplos de óxidos mais comuns:
  • Dióxido de carbono (CO2)– Gás presente em refrigerantes e águas; na forma sólida, ele é o gelo-seco usado como recurso cênico em teatros, shows e festas, e é um dos gases responsáveis pelo aumento do efeito estufa;
Poluição causada por dióxido de carbono
  • Óxido de cálcio (CaO)– Usado para preparar a cal virgem;
  • Óxido de magnésio (MgO)– Usado para preparar o leite de magnésia;
  • Peróxido de hidrogênio (H2O2)– Água oxigenada.
  • http://www.alunosonline.com.br/quimica/introducao-as-funcoes-inorganicas.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AGRADEÇO SUA VISITA.
VOLTE SEMPRE.