Welcome To My Blogger
O Blogger "Somos Físicos" aborda assuntos diversos relacionados a Ciência, Cultura e lazer.Todas as postagens são pesquisas coletadas na internet. OUTUBRO ROSA

Welcome To My Blogger

domingo, 16 de setembro de 2012

DUBAI

Dubai (em árabeدبيّDubayy) é um dos sete emirados e a cidade mais populosa dos Emirados Árabes Unidos (EAU) com aproximadamente 2 262 000 habitantes. Está localizada ao longo da costa sul do Golfo Pérsico na Península Arábica na Ásia.
 O município muitas vezes é chamado de "Cidade de Dubai" para diferenciá-lo do emirado de mesmo nome. Dubai é conhecida mundialmente por ser extremamente moderna, "futurista" e com enormes arranha-céus e largas avenidas.
Existem registros da existência da cidade pelo menos 150 anos antes da formação dos EAU. Dubai divide funções jurídicaspolíticasmilitares e econômicas com os outros emirados, embora cada emirado tenha jurisdição sobre algumas funções, tais como a aplicação da lei civil e fornecimento e manutenção de instalações locais. Dubai tem a maior população e é o segundo maior emirado por área, depois de Abu Dhabi.
Dubai e Abu Dhabi são os únicos emirados que possuem poder de veto sobre questões de importância nacional na legislatura do país. Dubai tem sido governado pela dinastia Al Maktoum desde 1833. O atual governante de Dubai, Mohammed bin Rashid Al Maktoum, é também o Primeiro-Ministro e Vice Presidente dos Emirados Árabes Unidos.
A receita do emirado é proveniente do turismocomérciosetor imobiliário e serviços financeiros.
 As receitas de petróleo e gás natural contribuem com menos de 6% (2006) do PIB de US$ 37 bilhões da economia de Dubai (2005). O setor imobiliário e da construção, por outro lado, contribuiu com 22,6% da economia em 2005, antes do atual boom da construção em larga escala.Dubai tem atraído atenção através dos seus projetos imobiliários e acontecimentos esportivos. 
Esta maior atenção, coincidindo com o seu aparecimento como um concentrador de negócios mundial, pôs em destaque questões dos direitos humanos relativas à sua mão-de-obra em grande parte externa.
De acordo com o censo realizado pelo Centro de Estatísticas de Dubai, a população do emirado era de 1 422 000 de habitantes em 2006, sendo 1 073 000 homens e 349 000 mulheres.
A região abrange 1287,4 km². A densidade populacional é 408,18/km² mais de oito vezes maior do que todo o país. Dubai é a segunda cidade mais cara da região, e 20ª cidade mais cara do mundo.
Em 1998, 17% da população do emirado era composta por pessoas nascidas nos EAU. Aproximadamente 85% da população de expatriados (e 71% da população total do emirado) eram asiáticos, principalmente indianos (51%), paquistaneses (15%), bangladeshiano (10%) e outros (10%).Um quarto da população no entanto tem vestígios em suas origens de ancestrais iranianos.Além disso, 16% da população (ou 288.000 pessoas) vivem em habitações coletivas de trabalho e não foram identificados por etnia ou nacionalidade, apesar de terem sido considerados como asiáticos.A idade mediana no emirado foi de cerca de 27 anos. A taxa de natalidade, em de 2005, foi de 13,6%, enquanto a taxa de mortalidade foi de cerca de 1%.
Embora o árabe seja a língua oficial de Dubai, o urdu, o persa, o hindi, o malaiala, o bengali, o tamil, o tagalo,chinês e outros idiomas são também falados em Dubai. O inglês é a língua franca da cidade e é muito falada pelos moradores.
O Artigo 7º da Constituição Provisória dos EAU declara o Islã como a religião oficial do país. O governo subsidia cerca de 95% das mesquitas e emprega todos os imames, aproximadamente 5% das mesquitas são totalmente privadas, e várias grandes mesquitas recebem grandes doações privadas.
Dubai tem também grandes grupos de cristãoshindussikhsbudistas e outras comunidades religiosas que residem na cidade. Grupos não-muçulmanos podem possuir suas próprias casas de culto, onde eles podem praticar sua religião livremente, solicitando uma concessão de terras e permissão para construir um templo. Os grupos que não têm os seus próprios edifícios devem utilizar as instalações de outras organizações religiosas ou de culto em casas particulares. Grupos não-muçulmanos estão autorizados a anunciar abertamente funções de grupo, no entanto, proselitismo ou distribuição de literatura religiosa é estritamente proibida, sob pena do procedimento penal, prisão e deportação para se engajar em conduta ofensiva ao Islã.

Produto Interno Bruto (PIB) de Dubai em 2005 foi US$ 37 bilhões. Embora a economia de Dubai tenha sido construída através da indústria do petróleo, as receitas de petróleo e gás natural representam atualmente menos de 6% das receitas do emirado. Estima-se que Dubai produz 240.000 barris de petróleo por dia e quantidades substanciais de gás em campos. O emirado possui 2% das reservas de gás dos EAU. As reservas de petróleo de Dubai diminuíram significativamente e estima-se que se esgotarão em 20 anos. Os setores Imobiliário e de Construção (22,6%), Comércio (16%), entreposto (15%) e de serviços financeiros (11%) são os maiores contribuintes para a economia de Dubai.
Um levantamento da City Mayors classificou Dubai com a 44ª melhor cidade financeira do planeta, enquanto outro relatório da City Mayors indicou que Dubai é a 33ª cidade mais rica do mundo, em termos de paridade do poder de compra (PPC).
Entre os principais destinos de re-exportação de Dubai incluem-se o Irã (US$ 790 milhões), Índia (US$ 204 milhões) e Arábia Saudita (E.U. 194 milhões dólares). As principais fontes de importação do emirado são Japão (US$ 1,5 bilhão), China (US$ 1,4 bilhão) e os Estados Unidos (US$ 1,4 bilhão).
Historicamente, Dubai e o seu irmão gêmeo, Deira (independente da cidade de Dubai na época), tornaram-se importantes portos de escala para os fabricantes ocidentais. A maioria dos novos bancos e centros financeiros da cidade estão localizados na área portuária. Dubai manteve a sua importância como uma rota de comércio nos anos 1970 e 1980. Dubai possui livre-cambismo em ouro e até a década de 1990, foi um importante centro de "comércio de contrabando ativo" de lingotes de ouro a Índia, onde a importação de ouro era restrita.
Porto Jebel Ali de Dubai, construído na década de 1970, é o maior porto artificial do mundo e estava em oitavo lugar a nível mundial no volume de tráfego de containers. Dubai também está se desenvolvendo como como um centro para indústrias de serviços, como a TI e finanças, com a criação de zonas francas específicas em toda a cidade. A Dubai Internet City, combinada com a Dubai Media City, como parte de TECOM (Dubai Technology, Electronic Commerce and Media Free Zone Authority) é um enclave, como TI, cujos membros incluem empresas como a EMC CorporationOracle CorporationMicrosoft e IBM, e as organizações de mídia como o MBCCNNBBCReutersSky News e AP.
Ski Dubai, que já está aberto, é a maior instalação de esqui indoor do mundo
O hotel Burj al-Arab em Dubai. O hotel mais alto do mundo. Considerado o hotel estrela só '7 'e o hotel mais luxuoso do mundo.
Ele fica em uma ilha artificial no mar.

A MAIOR FONTE DE ÁGUA DO MUNDO
dubai_fountain_2.jpg
dubai_fountain_3.jpg
dubai_fountain_6.jpg
dubai_fountain_4.jpg

Um comentário:

  1. Ainda irei a Dubai antes que sucumba. Tudo lá e artificial. Pode desaparecer em breve.

    ResponderExcluir

AGRADEÇO SUA VISITA.
VOLTE SEMPRE.